Pesquisa
avançada
12918 joguetes

Jogo recentemente visto:

Cosmic Cruiser
  • PC DOS
  • 1988
  • HD
  • 1
  • o hospital

  • sala de aula, onde te dizem como não matar o paciente da próxima vez

  • um paciente deitado na cama. seja empático com esse rostinho que sofre!

  • sério, esse é o melhor sistema de proteção de software que já vi

  • o bloco cirúrgico

  • o abdome exposto pra cirurgia de apendicite. veja que é apenas o quarto inferior direito

  • anestésico rodando, antibiótico administrado, sangue na veia, campos postos, abdome limpo, incisão realizada mal, e baba rolando! (sangue aparecendo)

  • essa é a gordura, e o sangue já está clampeado. viva os mosquitinhos.

  • esse é o apêndice. oi, apêndice!

  • exame físico positivo para aneurisma de aorta

  • eco abdominal positiva para aneurisma de aorta grande (olha a régua ali)

  • agora sim, um abdome inteiro pra operar!

  • veja a veia cava, no lado direito do paciente (azul): a aorta deveria estar assim. mas está com esse aneurisma. Não é sacular, mas é ruim o suficiente

  • ilíacas clampeadas, ramo mesentérico clampeado, aorta clampeada, ramo mesentérico cortado. agora dá pra começar a operar.

Esse jogo me foi apontado pelo mojo, no Baalbek, enquanto discutíamos um jogo meio besta de nintendo DS onde tu és um médico com super poderes e fazes cirurgias. Não joguei ainda, mas não acredito no potencial. O referido rapaz me disse que existiam dois jogos mais realistas: um de cirurgia geral e outro de neurocirurgia.


Entenda, eu sou estudante de medicina, no fim do terceiro ano, e esse papo de cirurgia me arranca lágrimas dos olhos. Achei que podia ser interessante e catei. E gostei.


Tu começas em um hospital, onde tens que fazer login. Então tu és chamado pra salinha de aula, onde te dão noções básicas de como interagir no jogo. É engraçado que é realmente muito básico, só te explicam como fazer uma coisa depois que tu já fez ela de maneira equivocada. Isso é meio surreal mas não chega a atrapalhar.

O jogo tem duas partes, cada uma com um momento clínico e um momento cirúrgico. O momento clínico peca pela falta de variedade, são poucas doenças clínicas (três no primeiro momento e duas no segundo momento), e o exame físico se resume à palpação abdominal (sendo que para um aneurisma de aorta, uma das doenças do jogo, poderia haver alteração na ausculta abdominal, na cólica renal alteração na punho-percussão lombar, etc). Esse momento do jogo fica sendo mais um construidor de tensão para o momento mais divertido: a cirurgia.


Ao fazer o diagnóstico de uma doença que demande tratamento cirurgico (apendicite aguda e aneurisma maduro de aorta), tu levas o paciente para o bloco cirúrgico, onde a região que vais operar está a mostra. Tu deves tomar cuidados anestesiológicos (cuidar do ritmo cardíaco e ligar a anestesia antes de começar a operar, hehe), lavar as mãos, por o campo (os panos estéreis que ficam em volta da região a ser operada), etc. Bem bacana. Depois incisas a pele, clampeias os vasos que sangram, cauterizas (ou suturas), etc. Pele, gordura, musculo, peritônio, enfim, até chegar ao intestino e operar o apêndice podre, ou passar o intestino, abrir o peritônio posterior e expor a aorta gordita.


Não é um jogo longo. Uma pessoa que saiba como proceder no jogo pode terminá-lo em menos de 15 minutos. O desafio do jogo é justamente aprender a fazer os diagnósticos e a realizar a cirurgias de maneira perfeccionista. O nivel de complexidade é baixo, porém é muito divertido enquanto dura.


Um polegar estendido, mas acho que ninguém que não se interesse um pouco por buchada vai gostar.